Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.19/1338
Título: Compostos de Maillard e perfil de aminoácidos da Pêra Passa de Viseu.
Autor: Cunha, Pedro
Coimbra, Manuel
Guiné, Raquel
Palavras-chave: pera
aminoácidos
Data: 2010
Citação: Cunha PRT, Coimbra MA, Guiné R. (2010) Compostos de Maillard e perfil de aminoácidos da Pêra Passa de Viseu. Livro de Resumos e CD-Rom das Actas do 1º Encontro Português de Secagem de Alimentos, 9 pag., Viseu.
Resumo: A pêra de S. Bartolomeu (Pyrus communis L.) é um produto tradicional secado ao ar livre, de cor castanho-avermelhada e com propriedades elásticas únicas. Para desenvolver uma metodologia capaz de substituir a secagem solar tradicional sem que as suas propriedades organolépticas sejam alteradas, estão em fase de desenvolvimento metodologias alternativas como a utilização de estufas solares ou um túnel de ar quente. É possível que os compostos castanhos formados por reacções entre aminoácidos e açúcares (reacções de Maillard) possam contribuir para a cor deste produto. Para avaliar esta hipótese, foram analisados os perfis de aminoácidos livres e de aminoácidos constituintes das proteínas em peras frescas e em peras provenientes de diferentes metodologias de secagem em duas colheitas, assim como foi quantificada a ocorrência de furosina, carboximetil-lisina (CML) e carboxietil-lisina (CEL), compostos diagnóstico da ocorrência de reacções de Maillard. A secagem tradicional causou uma diminuição para cerca de metade do conteúdo de aminoácidos livres. A Pro foi o aminoácido livre detectado em maior quantidade nas peras secadas, contrastando com a quantidade elevada de Asx detectada nas peras frescas. Em relação aos aminoácidos das proteínas, não foram observadas modificações com a secagem. Todos os tipos de peras secadas apresentaram furosina, CML e CEL. Os níveis mais elevados foram detectados para as peras secadas tradicionalmente, enquanto as peras secadas no túnel de ar quente, que não possuíam cor castanho-avermelhada, apresentaram os valores inferiores. Os valores detectados são semelhantes aos descritos para alimentos processados termicamente de forma moderada, como o leite UHT e carnes e peixes cozinhados. A secagem da pêra de S. Bartolomeu promove a ocorrência de reacções de Maillard características de produtos processados termicamente que podem contribuir para a coloração característica do produto.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.19/1338
Aparece nas colecções:ESAV - DIA - Documentos de congressos (comunicações, posters, actas)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
2010_Viseu_Acta_Oral MAC.pdf130,56 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.