Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.19/1557
Título: Satisfação do doente cardíaco com os cuidados de enfermagem
Autor: Silva, Melânia Cristina Correia
Palavras-chave: Cuidados de enfermagem
Doença coronária
Indicadores de qualidade em cuidados de saúde
Qualidade de cuidados de saúde
Satisfação do doente
Unidades de cuidados coronários
Coronary care units
Coronary disease
Nursing care
Patient satisfaction
Quality of health care
Quality indicators, health care
Data de Defesa: 2011
Editora: Instituto Politécnico de Viseu, Escola Superior de Saúde de Viseu
Resumo: Título do trabalho: Satisfação do Doente Cardíaco com os Cuidados de Enfermagem Introdução: A satisfação dos doentes é um indicador imprescindível para avaliar a qualidade dos cuidados de saúde prestados aos cidadãos, beneficiários directos desses cuidados. Objectivos: Identificar o grau de satisfação com os cuidados de enfermagem; analisar a influência das variáveis sociodemográficas, contexto familiar, clínicas, estilos de vida e psicológicas. Metodologia: Estudo quantitativo, não-experimental, descritivo-correlacional e transversal; Amostra: 90 doentes que se encontravam na Unidade de Cuidados Intensivos Coronária no momento da aplicação dos questionários (sexo masculino 64.4%, feminino 36.6%; idade média=64.17anos, dp=15.80). Dados obtidos através de questionário: questões de caracterização Sociodemográfica, Sociofamiliar, Clínica, Estilos de Vida, Psicológica, escala de Apgar Familiar (Smilkstein, 1978), Inventário Clínico de Auto conceito (Vaz Serra, 1985) e Instrumento de Satisfação do Paciente (Oliveira, 2004). Resultados: Da amostra em estudo, 37.8% apresentam-se pouco satisfeitos com os cuidados de enfermagem, 28.9% satisfeitos, 33.3% muito satisfeitos. Variáveis que influenciam a satisfação com os cuidados de enfermagem: Idade (F=2.94; p=0.04); Rendimento mensal (X2=9.975; p=0.019); IMC (β=-0.245; t=-2.328; p=0.022); maturidade psicológica (β=0.388;t=2.129;p=0.036) e impulsividade/actividade (β=0.364;t=2.260; p=0.026) para a dimensão educacional; Impulsividade/actividade (r=0.198; p=0.031) para a dimensão técnico-profissional e o IMC (β =-0.241; t=-2.328; p=0.022) para a satisfação. Conclusão: A satisfação com os cuidados de enfermagem é influenciada pela idade, rendimento mensal, IMC, aceitação/rejeição social e impulsividade/actividade. A amostra sente-se mais satisfeita com a dimensão educacional (2.86) e técnico-profissional (2.81) e menos com a dimensão confiança (2.77). Palavras-chave: Enfermagem; Cuidar; Satisfação do utente.
ABSTRACT Title: H eart Patient Satisfaction with Nursing Care Introduction: The customer satisfaction is a crucial indicator for evaluating the quality of care provided to citizens, direct beneficiaries of such care Objectives: Identify the degree of satisfaction with nursing care, analyze the influence of sociodemographic, assess the influence of sociodemographic, family background, clinical, lifestyle and psychological. Methodology: Quantitative study, non-experimental, descriptive correlational and cross; Sample: 90 patients are in Intensive Coronary Care Unit at the time of questionnaire administration (male 64.4%, female 36.6%, middle age = 64.17years, dp = 15.80). Data sources obtained through questionnaire: questions of sociodemographics, family background, clinical, lifestyles, psychological, Family Apgar Scale (Smilkstein, 1978), Clinical Self Concept Inventory (Vaz Serra, 1985) and Patient Satisfaction Instrument (Oliveira, 2004). Results: From the study sample, 37.8% are not very satisfied with nursing care, 28.9% are satisfied, 33.3% are very satisfied. Variables that influence satisfaction with nursing care: age (F=2.94, p=0.04), monthly income (X2=9.975, p=0.019), IMC (β=-0.245, t=-2.328, p=0.022); psychological maturity(β=-0.388, t=2.129, p=0.036) and impulsivity/activity (β=0.364, t=2.260, p=0.026) for the educational dimension; Impulsivity/activity (r=0.198; p=0.031) for the technical-professional and IMC (β=-2.241, t=2.328, p=0.022) for satisfaction. Conclusion: The satisfaction with nursing care is influenced by age, monthly income, IMC, acceptance / social rejection and impulsivity / activity. The sample feels more pleased with the educational dimension (2.86) and technical-professional (2.81) and less with the confidence dimension (2.77). Key-words: Nursing, Care, Patient Satisfaction.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.19/1557
Aparece nas colecções:ESSV - UEMC - Dissertações de mestrado (após aprovadas pelo júri)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
SILVA Melania Cristina Correia, Satisfação doente cardíaco com os cuidados de enfermagem.pdfDocumento principal3,6 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.