Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.19/1576
Título: Cuidados paliativos em neonatologia: vivência dos profissionais de saúde numa unidade neonatal
Autor: Carvalho, Margarida Maria Lopes
Palavras-chave: Atitude do pessoal de saúde
Emoções
Neonatologia
Pessoal de saúde
Populações vulneráveis
Psicologia
Recém nascido
Temas de bioética
Tratamento paliativo
Unidades de cuidados intensivos neonatais
Vulnerabilidade
Attitude of health personnel
Bioethical issues
Emotions
Health personnel
Infant, newborn
Intensive care units, neonatal
Neonatology
Palliative care
Psychology
Vulnerability
Vulnerable populations
Data de Defesa: 2011
Editora: Instituto Politécnico de Viseu, Escola Superior de Saúde de Viseu
Resumo: O conceito de Cuidados Paliativos já não é novo, mas só muito recentemente começou a ser aplicado à população neonatal. Ainda que antecipar a morte em idade neonatal seja um desafio na nossa sociedade e cultura, esta é uma exigência fundamental. Sendo um tema pouco discutido, acreditamos poder fornecer alguns subsídios para a reflexão sobre esta temática tão pertinente da Neonatologia, tendo delineado como objectivos: reconhecer os cuidados considerados serem essenciais neste contexto, descrever os sentimentos vivenciados e as dificuldades sentidas pelos profissionais de saúde, reflectir sobre os aspectos éticos mais relevantes e identificar os aspectos passíveis de concorrerem para a melhoria dos cuidados paliativos neonatais. Desenvolvemos um estudo exploratório-descritivo de natureza qualitativa numa amostra intencional constituída por 20 profissionais de saúde duma unidade neonatal da região centro do país. A análise dos questionários realizou-se recorrendo à análise de conteúdo de acordo com Bardin (1977, 2009) e Amado (2000). Da análise efectuada ressaltou a valoração da importância dos cuidados a prestar aos recém-nascidos e sua família, contribuindo para o reconhecimento dos cuidados paliativos neonatais no nosso país. Constatámos dificuldades relacionais, comunicacionais e éticas vivenciadas pela equipa de saúde num contexto de deficit de diálogo interdisciplinar e de ausência de consensos/uniformização de procedimentos. Emergiram sentimentos/emoções negativos, subentendendo-se o desconforto e a impreparação com que a equipa de saúde se debate nesta unidade neonatal. Invocamos a necessidade de progredir de forma mais eficaz nesta área do Cuidar. Palavras Chave: Cuidados Paliativos Neonatais, Recém-nascidos, Unidades Neonatais, Vivência dos profissionais de saúde
ABSTRACT The concept of Palliative Care is not new, but only recently has it been applied to the neonatal population. Although anticipating death in newborns is a challenge in our society and culture, this is a fundamental demand. Being a subject little discussed, we believe we can bring something new to its reflection, having outlined the following goals: to recognize the care that the health professionals believe to be essential, to describe the feelings and hardships experienced in this context, to reflect about the most significant ethical aspects and to identify those more relevant to the improvement of palliative neonatal care. We developed an exploratory-descriptive study of qualitative nature in an intentional sample of 20 health care professionals, of a neonatal unit of the centre region of the country. The analysis of the questionnaires was accomplished using content analysis according to Bardin (1977, 2009) and Amado (2000). From the analysis it was highlighted the appraisal of the importance of the care provided to the newborns and their families, contributing to the recognition of palliative neonatal care in our country. We found difficulties in the relationship, communication and ethical issues experienced by the health care team in a context of interdisciplinary dialog deficit and in the absence of consensus/protocols. Negative feelings/emotions have emerged, implying the discomfort and the unpreparedness with which the health team debates in this neonatal unit. We invoke the necessity to progress in a more effective way in this area of the care. Keywords: Neonatal Palliative Care, Newborns, Neonatal Unit, Health care professionals experience.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.19/1576
Aparece nas colecções:ESSV - UECA - Dissertações de mestrado (após aprovadas pelo júri)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
CARVALHO Margarida Maria Lopes-TextoTESE.pdfDocumento principal2,3 MBAdobe PDFVer/Abrir
CARVALHO Margarida Maria Lopes, Parte PréTexto.pdfParte pré-texto167,44 kBAdobe PDFVer/Abrir
CARVALHO Margarida Maria Lopes-FolhaRosto.pdfFolha de rosto2,74 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.