Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.19/1970
Título: A perda gestacional e o processo de luto : quando o início é o fim da vida
Autor: Dias, Marilin Cristina Martins
Coutinho, Emília Carvalho, orient.
Duarte, João Carvalho, co-orient.
Palavras-chave: Comunicação
Cuidados de enfermagem
Enfermagem obstétrica
Família
Luto
Morte fetal
Mulher grávida
Pais
Psicologia
Bereavement
Communication
Family
Fetal death
Grief
Nursing care
Obstetric nursing
Parents
Pregnant women
Psychology
Data de Defesa: 2012
Editora: Instituto Politécnico de Viseu. Escola Superior de Saúde de Viseu
Resumo: O fenómeno da perda gestacional constitui um acontecimento doloroso e terrível para quem o vivencia, gerador de um grande sofrimento, de fortes emoções e de acentuadas dificuldades adaptativas. É na procura da compreensão deste fenómeno que se enquadra a presente investigação, tendo sido definidos como principais objetivos do estudo: compreender o significado atribuído pela mulher à vivência da perda gestacional; compreender as reações da mulher à perda gestacional; identificar as experiências subjetivas da mulher que vivencia uma perda gestacional face aos cuidados de enfermagem; e compreender o significado atribuído pela mulher que vivencia uma perda gestacional ao desempenho dos enfermeiros. Por se tratar de um estudo de natureza qualitativa, de abordagem fenomenológica, assente nos pressupostos de Max Van-Manen, foram consideradas as experiências vividas por 14 mulheres que experienciaram o fenómeno da perda gestacional e o processo de luto há mais de 2 meses. A recolha de dados decorreu entre Agosto de 2011 e Maio de 2012, através da realização de entrevistas semi-estruturadas. Pode-se concluir que, independentemente da idade gestacional aquando da perda, esta é sempre geradora de sentimentos muito dolorosos e penalizadores; que todas as mulheres valorizaram o papel dos enfermeiros, percecionando contudo que as atitudes tomadas por estes nem sempre foram de encontro às suas necessidades; e que este tipo de experiência tem repercussões profundas para a vida da mulher/casal, influenciando até a vivência de gravidezes futuras. Só a compreensão do fenómeno da perda gestacional e do processo de luto assente na perceção e significação atribuída pelas mulheres, dotará os profissionais de saúde e particularmente os enfermeiros de conhecimentos que lhes permitirão adotar atitudes e comportamentos adequados e culturalmente congruentes tendo em conta a especificidade e individualidade de cada mulher/casal/família Palavras-chave: Perda Gestacional, Mulher, Processo de Luto, Cuidados de Enfermagem.
ABSTRACT The phenomenon of pregnancy loss is a painful and terrible happening for the person who goes through it. It generates great suffering, strong emotions and very difficult adaptation. The purpose of this investigation is to understand this phenomenon, bearing in mind the following main study goals: to understand the meaning given by the woman to the experience of pregnancy loss; to understand the reactions of a woman who experiences pregnancy loss to the medical care; and to understand the meaning given by the woman who experiences pregnancy loss to the nurse’s care. Since the nature of this study is a qualitative one, of phenomenological approach, based on Max Van-Manen’s conjectures, the experiences of 14 women who experienced the phenomenon of pregnancy loss and the grief process, more than two months ago, were considered. The data collection took place between August 2011 and May 2012 via semistructured interviews. One can conclude that: when the loss of the fetus occurs, no matter the gestational age, it always generates very painful and penalizing feelings; every women appreciated the nurses’ role, observing, however, that the latter’s attitudes not always were directed towards the women’s needs; and that this type of experience has deep impact on the life of the woman/couple, influencing even future pregnancies. Only the comprehension of the phenomenon of pregnancy loss and the grief process, based on the perception and significance given by women, will provide the health professionals, especially nurses, the adequate and culturally congruent behavior and attitude, given the specification and individuality of each woman/couple/family. Keywords: Pregnancy loss, Woman, Grief process, Nursery Care.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.19/1970
Aparece nas colecções:ESSV - UEMOG - Dissertações de mestrado (após aprovadas pelo júri)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DIAS Marilin Cristina Martins - Dissertação mestrado.pdf2,31 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.