Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.19/2032
Título: “Mora mortis”: os caminhos do sofrimento e da liberdade nas “Troades” de Séneca
Autor: Balula, João Paulo Rodrigues
Medeiros, Walter de, Orient.
Palavras-chave: Leitura crítica
Literatura Latina
Séneca
Tróades
Mora mortis
Mora maris
Data de Defesa: 1994
Editora: J.P.R.B.
Citação: BALULA, J. P. R. (1994). “Mora mortis”: os caminhos do sofrimento e da liberdade nas “Troades” de Séneca. Dissertação de mestrado não publicada, Faculdade de Letras, Universidade de Coimbra, Coimbra.
Resumo: Leitura crítica da tragédia “Troades”, de Séneca, desenvolvida em três momentos: síntese comentada da peça, estudo dos vencedores (Pirro, Aganémnon, Ulisses, Aquiles e Helena) e estudo dos vencidos (Hécuba, Andrómaca, Heitor, Astíanax e Políxena). Omite-se a apreciação de questões relativas às fontes, em particular o paralelo com as tragédias de Eurípides, por se entender que este assunto foi tratado por outros autores. Omitem-se ainda, no tratamento dos vencedores, as figuras de Taltíbio, do Mensageiro e de Calcas, porquanto a sua aparição, mais ou menos fugaz, não consente um juízo aprofundado. No tratamento dos vencidos omitem-se o Ancião, que funciona como uma espécie de “alter ego” de Andrómaca apreensiva, e o Coro que tem importância desigual nas suas intervenções e cujos sentimentos mais significativos se expõem no capítulo de abertura. A “mora” constitui, para vencidos (“mora mortis”) e para vencedores (“mora maris”), o mecanismo fundamental da peça. O homem é um ser adiado. A vida, prolongada no sofrimento, torna-se um impedimento da libertação. Por isso, as cativas - que dão o nome à peça - estão, desde há muito, preparadas para morrer.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.19/2032
Aparece nas colecções:ESEV - DCL - Dissertações de mestrado (após aprovadas pelo júri)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Balula_JPR_1994.pdf25,92 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.