Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.19/2056
Título: Liderança e motivação : a perspetiva dos enfermeiros de um hospital da região centro
Autor: Micaelo, Fernando José Freixo
Duarte, João Carvalho, orient.
Amaral, Maria Odete Pereira, co-orient.
Palavras-chave: Enfermagem
Enfermeiros
Liderança
Motivação
Pessoal de enfermagem em hospital
Leadership
Motivation
Nurses
Nursing
Nursing staff, hospital
Data de Defesa: 2013
Editora: Instituto Politécnico de Viseu, Escola Superior de Saúde de Viseu
Resumo: Enquadramento: O atual momento de mudança, flexibilização e globalização a nível social e laboral, nem sempre influi positivamente na motivação dos profissionais exigindo novos predicados aos seus líderes. Tendo em vista a produtividade e o desempenho dos enfermeiros, importa capacitar os líderes e reconhecer quais os fatores modeladores da motivação, propondo medidas potenciadoras consentâneas. Objetivos: Avaliar a motivação profissional dos enfermeiros de um hospital da região centro; Identificar as variáveis sociodemográficas e profissionais que influenciam a motivação profissional dos enfermeiros; Determinar os perfis de comportamento de liderança dos enfermeiros chefes e responsáveis; Analisar a relação entre os perfis de comportamento de liderança dos enfermeiros chefes e responsáveis e a motivação profissional. Métodos: Estudo transversal, descritivo e correlacional, com recurso a uma amostra não probabilística por conveniência, constituída por 192 enfermeiros. Utilizou-se um questionário autoaplicado para a caracterização sociodemográfica e profissional, o Motivation Questionnaire para avaliação da motivação e o Leader Behavior Description Questionnaire para avaliação do comportamento dos enfermeiros chefes e responsáveis. Resultados: A média de idades dos enfermeiros da amostra foi de 38,63±7,78 anos, sendo a maioria enfermeiras (75,5%), que habita na cidade (89,1%), têm um relacionamento (73,4%) e são licenciados (86,5%). Profissionalmente são enfermeiros de cuidados gerais (88,5%), em horário rotativo (78,6%), com um contrato de trabalho de funções públicas (73,4%) e exercem à 15.96±7,54 anos. Mostram-se muito motivados, 40,1% dos enfermeiros, considerando-se pouco motivados 36,5%. O género e a idade relacionam-se com as necessidades fisiológicas (p=0,004) e de segurança (p=0,032); estado civil, funções prestadas e tempo de exercício com as sociais (p=0,002; 0,019; 0,011); O comportamento de liderança de consideração associou-se significativamente com as necessidades de autorrealização (r=-0,162; p=0,025) e o comportamento de liderança de estruturação com as necessidades sociais (r=-0,147; p=0,042). Conclusão: A motivação dos enfermeiros pauta-se pela assimetria dividindo-se entre muito e pouco motivados. É influenciada por fatores como a idade, estado civil, funções prestadas e tempo de exercício profissional. O comportamento de liderança adotado pelos enfermeiros líderes influencia a motivação global, em particular as necessidades de autorrealização e sociais. Propõe-se a necessidade de capacitar os líderes em competências de liderança e desenvolver estratégias motivacionais conducentes a melhor desempenho e produtividade dos profissionais, com vista à excelência no cuidar. PALAVRAS-CHAVE: Enfermagem, Motivação, Liderança.
ABSTRACT Framework: The current moment of change, easing and globalization, at a social and labour level, not always positively influences the staff motivation, requiring new predicates to its leaders. Bearing in mind the productivity and performance of nurses, it is important to enable and empower the leaders and recognize the motivation-shapers factors, proposing consistent enhancer actions. Aims: Evaluate the professional motivation of nurses in an hospital at the central region; Identify socio-demographic and professional variables that influence the professional motivation of nurses; Determine the leadership behavior profile of head nurses and responsible nurses; Analyze the relationship between the leadership behavior profile of head nurses and responsible nurses, and the motivation. Methods: Cross-sectional, descriptive and correlational study using a non-probabilistic convenience sample comprising 192 nurses. It was used a self-administered questionnaire to evaluate socio-demographic and professional characteristics, a Motivation Questionnaire for assessment of motivation and a Leader Behavior Description Questionnaire to assess the leadership behavior profile of head nurses and responsible nurses. Results: In this sample, the nurses average age was 38.63 ± 7.78 years, most are females (75.5%), living in the city (89.1%), having a relationship (73.4%) and higher education (86.5%). Professionally, they are caregiver’s nurses (88.5%), in rotative shifts (78.6%), with a contract of employment in public functions (73.4%) and practice at 15.96 ± 7.54 years. 40.1% of nurses seem motivated, considering unmotivated 36.5%. Gender and age are related to the physiological needs (p = 0.004) and security (p = 0.032), marital status, duties and practice time with social (p = 0.002, 0.019, 0.011); consideration leadership behavior was significantly associated with self-realization needs (r = -0.162, p = 0.025) and structuring leadership behavior with social needs (r = -0.147, p = 0.042). Conclusion: The motivation of nurses is guided by the asymmetry, dividing into motivated and unmotivated. It is influenced by factors such as age, marital status, duties and practice time. The leadership behavior adopted by nursing leaders influences the overall motivation, in particular the self-realization and social needs. Proposes the need of training leaders in developing leadership skills and developing motivational strategies leading to the improvement of the professional’s performance and productivity, aiming the excellence in care. KEY-WORDS: Nursing, Motivation, Leadership.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.19/2056
Aparece nas colecções:ESSV - UEMC - Dissertações de mestrado (após aprovadas pelo júri)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
MICAELO, Fernando José Freixo - Dissertação mestrado.pdf3,06 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.