Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.19/2219
Título: A Depressão no Idoso
Autor: Drago, Susana
Martins, Rosa
Palavras-chave: Envelhecimento
Depressão
Idoso
Satisfação com a vida
Independência/ dependência
Data: Jul-2014
Editora: Instituto Politécnico de Viseu
Citação: Drago, Susana & Martins, Rosa (2012). A Depressão no Idoso. Millenium, 43 (junho/dezembro). Pp. 79-94.
Resumo: A depressão é considerada, hoje em dia, um problema de saúde importantíssimo, pois afeta pessoas de todas as idades, levando a sentimentos de tristeza e isolamento social que muitas vezes têm como desfecho o suicídio. Neste sentido, este estudo teve como principais objetivos determinar os níveis de depressão no idoso e verificar a influência dos aspetos sócio-demográficos, do grau de satisfação com a vida e do nível de independência nas atividades básicas de vida diária na depressão. Trata-se de um estudo quantitativo, do tipo não experimental (correlacional-descritivo), sendo a amostra não probabilística por conveniência. Participaram nele 119 idosos, com uma média de idades de 78 anos, residentes nos concelhos de Tavira, Olhão e Faro, a viver no domicílio ou a frequentar Instituições. Os resultados demonstram que a maioria dos idosos da amostra possui quadro depressivo ligeiro. Aspetos sócio-demográficos como o género, a idade, estado civil, nível de escolaridade, a institucionalização e a presença de doenças concomitantes influenciam a depressão. Também a independência nas atividades de vida diária e a satisfação com a vida influenciam a depressão, contudo de forma negativa.
The depression is considered, nowadays, a very important health problem because it affects people of all ages, leading to feelings of sadness and social isolation that sometimes have suicide as outcome. So, the main objective of this study was to determine the levels of depression in the elderly, as well as the influence of the socio-demographic aspects, degree of satisfaction with life and level of independence in the basic activities of daily life. It is a quantitative study, non-experimental (descriptive-correlational), with a non-probabilistic sample of convenience. In this study participated 119 seniors with a mean age of 78 years old, residents in the zones of Tavira, Olhão and Faro, living at home, in elderly homes or having attendance at institutions. The results show that the majority of the elderly of the sample have a slight depression. Aspects socio-demographic such as gender, age, marital status, education level, the institutionalization and the presence of concomitant illnesses influence depression in the aged one. Also influence depression, especially in a negative form, the degree of independence in activities of daily life and the degree of life satisfaction.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.19/2219
Aparece nas colecções:RE - Número 43 - Junho de 2012

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
5.pdf169,35 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.