Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.19/2303
Título: Prática de ensino supervisionada e investigação sobre os trabalhos para casa no 1º ciclo do ensino básico
Autor: Costa, Marina Sofia Soares da
Orientador: Cardoso, Ana Paula Pereira de Oliveira
Lacerda, Carla
Palavras-chave: Professores
Prática de Ensino Supervisionada
Trabalhos para casa
Aprendizagem
1.º Ciclo do Ensino Básico
Alunos
Supervised Teaching Practice
Homework
Learning
1st Cycle of Basic Education
Teachers
Students
Data de Defesa: Set-2014
Resumo: O presente Relatório Final de Estágio inclui duas partes, uma reflexão crítica sobre a Prática de Ensino Supervisionada realizada durante o segundo e terceiro semestres do mestrado e um estudo empírico, que pretende analisar de que forma são percecionados os trabalhos para casa pelos professores e alunos, bem como a sua influência na aprendizagem. Para a reflexão crítica sobre as práticas em contexto recorremos a material desenvolvido ao longo do estágio, bem como a autores de referência, com o objetivo de refletirmos sobre todo o trabalho desenvolvido ao longo dos semestres. Em termos empíricos, realizámos uma investigação de caráter descritivo, com recurso ao inquérito por questionário. Os questionários foram distribuídos a todos os professores e alunos do 4.º ano de escolaridade do concelho de Nelas, mais precisamente no Agrupamento de Nelas e Canas de Senhorim. Os dados obtidos permitem concluir que todos os professores, na sua prática letiva, solicitam trabalhos para casa aos seus alunos, bem como consideram que estes são essenciais para a aprendizagem. O Português e a Matemática são as áreas curriculares em que os professores solicitam mais vezes trabalhos para casa. Quanto aos alunos, em geral, gostam de realizar os trabalhos para casa, consideram-nos importantes para a aprendizagem, admitem que é mais fácil aprender e ter sucesso se os realizarem, mesmo que, por vezes, com ajuda de alguém. Na sua maioria, os alunos, se pudessem decidir, fariam trabalhos para casa, pois ajuda-os a consolidar a matéria.
This Final Training Report includes two parts, a critical reflection on the Supervised Teaching Practice held during the second and third semesters of the masters and a empirical study, which aims to analyze how homework is viewed by teachers and students, as well as their influence on learning. For critical reflection on the practice context we resorted to material developed throughout the semesters, as well as the authors of reference, in order to reflect on all the work done during that time. Empirically, we conducted a descriptive research, using the questionnaire survey. The questionnaires were distributed to all teachers and students in the 4th grade of Nelas municipality, more precisely in the Schools Grouping of Nelas and Canas de Senhorim. The data obtained indicate that all teachers, in their teaching practice, request homework to their students and believe that these are essential for learning. The Portuguese and Mathematics are the curriculum areas in which teachers often request more homework. As for students, in general, they like to perform their homework, consider this important for learning and admit that it is easier to learn and succeed if they do it, even if sometimes with help from someone. Most of the students, if they could decide, would do homework, because it helps them to consolidate the contents.
URI: http://hdl.handle.net/10400.19/2303
Aparece nas colecções:ESEV - DPCE - Dissertações de mestrado (após aprovadas pelo júri)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Relatório Final de Estágio_Marina Costa_8083.pdf1,49 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.