Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.19/2530
Título: Modelação de Ruído de Tráfego Ferroviário - Caracterização do Material Circulante em Portugal
Autor: Gonçalves, Daniel António Fonseca
Orientador: Pinho, Paulo Gabriel Fernandes de
Palavras-chave: Ruído ferroviário
Modelos de previsão de ruído ferroviário
Modelo RMR 96/SMR II
Vibrações provocadas pelo tráfego ferroviário
Data de Defesa: 30-Set-2014
Resumo: O presente estudo realizou-se no âmbito do estágio curricular inserido no curso de Mestrado em Tecnologias Ambientais da Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Viseu. O estágio foi realizado no período compreendido entre o 2 de Dezembro de 2013 e 30 de Maio de 2014, na empresa Monitar, Lda, sediada em Viseu e vocacionada para a prestação de serviços multidisciplinares na área de Engenharia do Ambiente. O estudo teve como objetivo aprofundar conhecimentos na área de ruído, com especial incidência no ruído proveniente do trafego ferroviário. Foi elaborada uma vasta pesquisa acerca desta temática tendo como base a sua situação a nível nacional. Na vertente prática, foram realizadas medições de ruído ferroviário, abrangendo os vários tipos de material circulante a operar em Portugal, por forma a analisar os seus níveis de ruído e também com a finalidade de encontrar uma relação entre o material circulante português e o material circulante (categorias) considerado no método de cálculo nacional Standaard-Rekenmethode II (RMR 96/SMR II) dos Países Baixos, que é o recomendado pela Diretiva n.º 2002/49/CE para a elaboração dos Mapas de Ruído. No decorrer do estudo foram ainda realizadas medições de vibrações provocadas pela passagem do material circulante, fazendo uma relação entre os dados obtidos com a velocidade, número de carruagens, níveis de pressão sonora, características da linha e tipo de solo. Foi ainda realizado, no decorrer do estudo, a comparação dos resultados de medições de ruído realizadas com sonómetros de classe de precisão 1 e 2. O estudo realizado permitiu encontrar uma boa relação entre o material circulante português e o material circulante considerado nas categorias definidas no método RMR 96/SMR II. No que diz respeito às vibrações, o transporte de mercadorias assim com o serviço Intercidades foram identificados como sendo o material circulante que provoca maiores níveis de vibrações, aquando da sua passagem. Verificou-se que o nível de vibrações emitido pelo material circulante é também dado em função do tipo de solo, da velocidade e do peso transportado. As medições de ruído comparativas, entre um sonómetro de classe 1 e outro de classe 2, apresentaram uma boa relação, indiciando a possibilidade de utilização de sonómetros de classe 2 em substituição dos de classe1, quando necessário, por exemplo, por razões de custo ou segurança, sem comprometer a qualidade das medições.
ABSTRACT: The present study was carried out as part of a curricular internship inserted in the Master’s Degree in Environmental Technologies of the Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Viseu. The internship was realized between December 2, 2013 and May 30, 2014 at the company Monitar, Lda, situated in Viseu, dedicated to the provision of multidisciplinary services in the field of Environmental Engineering. The study aimed to deepen knowledge in the area of noise, with particular focus on noise from rail traffic. An extensive research about the thematic was prepared, based mainly on the national situation. In the practical part, measures of rail noise were carried out, covering the various types of rolling stock operating in Portugal, in order to analyze their levels of noise and also with the purpose of finding a relation between the Portuguese rolling stock and the rolling stock (categories) considered in the national calculation method Standaard-Rekenmethode II (RMR 96/SMR II) of the Netherlands, which is recommended by Directive 2002/49/CE for the elaboration of noise maps. During the study, were also realized vibrations measurements caused by the passage of rolling stock, making a connection between the data obtained with the speed, number of carriages, sound pressure levels, features of the line and soil type. Was also conducted, during the study, a comparison of the noise measurements results, performed with a class 1 and with a class 2 sound level meters. The study allowed to find out a good relation between the Portuguese rolling stock and the rolling stock considered in the categories defined in the RMR 96/SRM II method. In respect of vibrations the freight and the InterCity service were identified as the rolling stock that causes higher levels of vibration, while passing. It has been found that the level of vibration emitted by rolling stock is also in function of soil type, speed and weight carried. The comparative noise measurements realized with a class 1 and with a class 2 sound level meters, showed a good relation, indicating the possibility of use a class 2 sound level meters instead of a class 1, when necessary, for instance, for reasons of cost or safety, without compromising the quality of the measurements
URI: http://hdl.handle.net/10400.19/2530
Designação: Mestrado em Tecnologias Ambientais
Aparece nas colecções:ESTGV - DA - Dissertações de mestrado (após aprovadas pelo júri)



FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.