Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.19/2538
Título: A vivência dos pais em relação à criança adolescente com diabetes mellitus tipo 1
Autor: Silva, Marina Sofia Macedo
Orientador: Silva, Ernestina Maria Veríssimo Batoca
Palavras-chave: Adolescente
Atitude perante a saúde
Complicações da diabetes
Criança
Diabetes mellitus tipo 1
Dieta
Efeitos psicossociais da doença
Família
Pais
Papel
Papel do enfermeiro
Adolescent
Attitude to health
Child
Cost of illness
Diabetes complications
Diabetes mellitus, type 1
Diet
Family
Nurse's role
Parents
Role
Data de Defesa: 22-Jul-2014
Resumo: Enquadramento: A Diabetes Mellitus Tipo 1 é uma doença crónica em expansão que afeta cada vez mais crianças e adolescentes, implicando mudanças nos hábitos de vida e maiores custos humanos, sociais e económicos. As suas repercussões são sentidas não só pelas crianças/adolescentes mas também pelos seus pais, havendo necessidade de prestar apoio ao papel parental. Objetivos: Perante esta problemática definimos como objetivos: identificar os sentimentos vivenciados pelos pais após o diagnóstico da Diabetes Mellitus Tipo I ao seu filho, compreender as experiências dos pais no cuidar de um filho diabético e refletir sobre a influência dos cuidados prestados pelos profissionais de saúde na aceitação e adaptação à diabetes por parte da criança/adolescente e sua família. Métodos: Trata-se de um estudo de natureza qualitativa, exploratório-descritivo, fenomenológico. Utilizamos a entrevista semiestruturada e realizamos 14 entrevistas a pais de crianças ou adolescentes com diabetes, que são acompanhados na consulta externa do Centro Hospitalar de Trás-os-Montes e Alto Douro. As entrevistas decorreram entre o dia 02 e 11 de Abril de 2014 e foram alvo de análise de conteúdo. Resultados: Emergiram dez categorias de análise: impacto da diabetes na família, sentimentos/emoções dos pais, modificações na vida familiar, modificações na alimentação familiar, parentalidade face à diabetes, vivências com outros filhos, receios vivenciados pelos pais, apoios recebidos, opinião relativa ao apoio dos profissionais de saúde e sugestões dos pais. Pelas categorias verificamos que os participantes no estudo sentem as implicações da diabetes na vida pessoal e social exigindo destes uma reestruturação da dinâmica familiar, incluindo também modificações na alimentação. Os pais revelaram sentimentos tais como medo, revolta, culpa, tristeza e preocupação. Neste sentido, é importante o desenvolvimento de novas competências parentais para que se adaptem ao novo papel. Se por um lado os pais se deparam com dificuldades, ao conseguirem superálas estão a contribuir positivamente para o equilíbrio da doença. Nos sentimentos dos pais sobressaiu ainda o medo e a angústia relativamente ao futuro do filho/a devido às complicações inerentes à diabetes. Constatamos ainda que para os pais o apoio dos profissionais de saúde em geral e do enfermeiro em particular se reveste de enorme importância no processo de aceitação e adaptação à diabetes. Conclusões: Consideramos que esta investigação pode ser uma ajuda útil e pertinente para os profissionais de saúde, para que na prática clínica consigam minimizar os efeitos nefastos da diabetes, promover o desenvolvimento de um novo papel parental e consequentemente proporcionar melhor qualidade de vida. Palavras-chave: Diabetes, Criança, Adolescente, Pais, Parentalidade, Sentimentos, Modificações Alimentares
Abstract Framework: Type 1 Diabetes Mellitus is a growing chronic disease that affects increasingly more and more children and adolescents, involving changes in lifestyle and human, social and economic costs. Its effects are felt not only by the children/adolescents but also by their parents, being necessary to provide support to the parental role. Objectives: Faced with this problem, we set the following objectives: identify the feelings experienced by parents following the diagnosis of Type I Diabetes Mellitus your child understand the experiences of parents in caring for a diabetic child and reflect on the influence of care provided by health professionals in the acceptance and adaptation to diabetes by the child / adolescent and his family. Method: This is a study of qualitative nature, exploratory, descriptive and phenomenological. We used semi structured interviews and conducted 14 interviews with parents of children or adolescents with diabetes, which are monitored as an outpatient of the hospital Trás-os-Montes e Alto Douro. The interviews took place between 02 and 11 April 2014 and the respective content was duly analysed. Results: Ten analysis categories emerged: impact of diabetes in the family, feelings/emotions experienced by the parents, changes in family life, changes in the family diet, parenting in the face of diabetes, experiences with other children, fears experienced by the parents, support received, opinion regarding the support of health professionals and suggestions put forward by the parents. These categories showed us that study participants feel the implications of diabetes in personal and social life, requiring restructuring of family dynamics and also changes in the diet. Parents revealed feelings such as fear, anger, guilt, sadness and concern. In this sense, it is important to develop new parenting skills in order to adapt to the new role. On one hand, parents are faced with difficulties, on the other, and by overcoming them, they are able to contribute positively to the balance of the disease. From the feelings experienced by the parents, fear and anxiety stood out, regarding the future of the child due to inherent complications of diabetes. We also found that parents feel that the support of health professionals in general and nurses in particular is of great importance in the acceptance and adaptation to diabetes. Conclusions: We believe that this research can be a useful and appropriate help for health professionals in clinical practice to be able to minimize the adverse effects of diabetes, promote the development of a new parental role and therefore provide a better quality of life. Keywords: Diabetes, Child, Adolescent, Parent, Parenting, Feelings, Changes in the diet
URI: http://hdl.handle.net/10400.19/2538
Designação: Mestrado em Enfermagem de Saúde Infantil e Pediatria
Aparece nas colecções:ESSV - UECA - Dissertações de mestrado (após aprovadas pelo júri)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
SILVA, Marina Sofia Macedo - DissertMestrado.pdf1,62 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.