Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.19/2837
Título: Cultura de segurança do doente pediátrico : perceção dos profissionais de saúde
Autor: Leça, Andrea Patrícia Correia
Orientador: Silva, Ernestina Maria Veríssimo Batoca
Palavras-chave: Atitude do pessoal de saúde
Criança
Cultura
Erros médicos
Jurisprudência
Pediatria
Qualidade de cuidados de saúde
Segurança do doente
Attitude of health personnel
Child
Culture
Jurisprudence
Medical errors
Patient safety
Pediatrics
Quality of health care
Data de Defesa: 25-Fev-2015
Resumo: Introdução: A segurança do doente encontra-se no topo das prioridades das agendas políticas de saúde a nível mundial, sendo um dos grandes desafios para a saúde no século XXI, particularmente a da criança pela sua vulnerabilidade. A cultura de segurança é o coletivo de valores, perceções e atitudes de um grupo face à segurança. Em Portugal a Direção-Geral da Saúde (2013) declara que o questionário sobre “Avaliação da Cultura de Segurança do Doente nos Hospitais Portugueses” deve ser aplicado em 2014 nos hospitais do Sistema de Saúde. Objetivo: O nosso objetivo geral é caracterizar a perceção dos profissionais de saúde sobre a cultura de segurança do doente pediátrico. Metodologia: É um estudo descritivo, transversal e correlacional, de abordagem quantitativa. A amostra (n=91) é constituída por enfermeiros (67.0%), médicos (18.7%) e assistentes operacionais (11.0%). Resultados: Destacam-se enquanto fortes as dimensões “Trabalho em equipa”, “Aprendizagem organizacional – melhoria contínua”, “Feedback e comunicação acerca do erro” e “Perceções gerais sobre a segurança do doente”, sendo consideradas como oportunidades de melhoria as dimensões “Resposta ao erro não punitiva”, “Apoio à segurança do doente pela gestão” e “Profissionais”. Dos inquiridos, 58.2% classificou o “Grau de segurança do doente” como muito bom e 34.1% como aceitável. Quanto ao “número de eventos/ocorrências notificadas”, 84.6% dos inquiridos não entregou nenhum relatório. Conclusão: A positividade das dimensões “Trabalho em equipa”, “Aprendizagem organizacional – melhoria contínua” e “Feedback e comunicação acerca do erro” evidencia o potencial da instituição/profissionais para o desenvolvimento de estratégias de melhoria da cultura de segurança do doente pediátrico.
Abstract Introduction: Patient safety is a top priority of health policy agendas worldwide and is a major challenge for healthcare systems in the twenty-first century, particularly of children due to their vulnerability. Safety culture is the collective values, perceptions and attitudes of a group in relation to security. In Portugal the General Directorate of Health (2013) states that the questionnaire on "Evaluation of Patient Safety Culture in Portuguese Hospitals" should be applied in 2014 in the hospitals of the Health System. Objective: Our overall goal is to characterize the perception of health professionals about the pediatric patient safety culture. Methods: This is a descriptive, cross-sectional and correlational study, with a quantitative approach. The sample (n = 91) consists of nurses (67.0%), doctors (18.7%) and operational assistants (11.0%). Results: “Teamwork", "Organizational learning - continuous improvement", "Feedback and communication about error" and "general perceptions about patient safety” are regarded as strong dimensions, whereas "Non-punitive error reply“, "Support for patient safety by management“ and "Professionals" are considered improvement opportunities. Of the respondents, 58.2% ranked the "patient safety grade" as very good and 34.1% as acceptable. Concerning the "number of events / reported events", 84.6% did not provide any report. Conclusion: The positivity of dimensions "Teamwork", "Organizational learning - continuous improvement" and “Feedback and communication about error” shows the potential of the institution / professionals to develop strategies to improve the pediatric patient safety culture.
URI: http://hdl.handle.net/10400.19/2837
Designação: Mestrado em Enfermagem de Saúde Infantil e Pediatria
Aparece nas colecções:ESSV - UECA - Dissertações de mestrado (após aprovadas pelo júri)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
LEÇA, AndreaPatriciaCorreia DM.pdfDocumento principal5,03 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.