Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.19/2870
Título: Ventilação não invasiva no pré-hospitalar : uma revisão sistemática da literatura
Autor: Alves, Mónica Isabel Lopes
Orientador: Cunha, Madalena
Palavras-chave: Doença aguda
Edema pulmonar
Revisão
Serviços médicos de urgência
Ventilação não invasiva
Acute disease
Emergency medical services
Noninvasive ventilation
Pulmonary edema
Review
Data de Defesa: 29-Dez-2014
Resumo: A Ventilação Não Invasiva (VNI) tem sido recomendada como terapia adjuvante no alívio da sintomatologia em doentes com Edema Agudo do Pulmão (EAP). O objetivo deste estudo consistiu em determinar a eficácia da aplicação da VNI nas vítimas com EAP, no contexto do Pré-Hospitalar (PH) no que se refere aos resultados da necessidade de entubação endotraqueal e mortalidade. Métodos: Realizou-se uma revisão sistemática da literatura sobre estudos que avaliavam a eficácia da aplicação da VNI no EAP em contexto PH e efetuou-se uma pesquisa na PUBMED, EBSCO, Google Scholar e Scielo, de estudos publicados entre janeiro de 2007 e 31 de dezembro de 2013. Os estudos encontrados foram depois avaliados tendo por base os critérios de inclusão previamente estabelecidos. Dois revisores avaliaram a qualidade dos estudos a incluir aplicando uma grelha para avaliação crítica de um estudo descrevendo um ensaio cliníco prospetivo, aleatorizado e controlado de Carneiro (2008). Na meta-análise utilizou-se o método Mantel-Haenszel, recorrendo-se ao efeito de modelos aleatórios. Resultados: Dois RCT’s preenchiam os critérios de inclusão, envolvendo 329 participantes, sendo 167 do grupo de VNI e 162 do grupo de controlo. A análise dos estudos combinados revela que a aplicação da VNI diminui significativamente a necessidade de entubação endotraqueal comparativamente à instituição em exclusivo do tratamento médico padrão (RR=0,60; IC 95%=0,39-0,93; p=0,02). No que refere à mortalidade a utilização da VNI associada ao tratamento médico padrão no PH oferece vantagem com relevância clínica comparativamente à instituição em exclusivo do tratamento médico padrão, todavia sem poder estatístico (RR=0,85; IC 95%=0.43-1,69; p=0,65). Conclusão: A utilização da VNI no tratamento de doentes com EAP no PH em comparação com a aplicação exclusiva do tratamento médico padrão reduz a necessidade de entubação endotraqueal e apresenta benefícios na taxa de mortalidade, resultados que sustentam ser a aplicação da VNI uma medida terapêutica favorecedora em termos eficácia da intervenção clínica. PALAVRAS – CHAVE: Ventilação Não Invasiva, Pré-hospitalar, Edema Agudo do Pulmão.
ABSTRACT The Noninvasive Ventilation (NIV) has been recommended as an adjunct therapy in relieving symptoms in patients with Acute Pulmonary Edema (APE). The aim of this study consisted in determine the effectiveness of the application of NIV in victims with APE, in the pre-­‐hospital (PH) context in what concerns the outcomes of the necessity for endotracheal intubation and mortality. Methods: A systematic literature review, about the studies evaluating the effectiveness of NIV application in APE in the PH context, was carried out as well as a research in PubMed, EBSCO, Google Scholar and Scielo studies published between January 2007 and 31 December 2013. The studies found were then evaluated based on the inclusion criteria previously established. Two reviewers assessed the quality of studies applying a grid to include critical appraisal of a study describing a prospective, randomized, controlled clinical trial by Carneiro (2008). In the meta-analysis was used the Mantel-Haenszel method, by reference to the effect of random models. Results: Two RCT's met the inclusion criteria, involving 329 participants, 167 of the NIV group and 162 of the control group. The studies analysis reveal that the application of NIV significantly reduces the necessity for endotracheal intubation comparatively to the institution of standard medical treatment (RR = 0.60, CI 95% = 0.39-0.93, p = 0.02). In what concerns the mortality, the use of NIV associated with the standard medical treatment in PH provides clinically relevant advantage compared to the institution in exclusive of standard medical treatment, but without statistical power (RR = 0.85, 95% CI = 0.43-1, 69, p = 0.65). Conclusion: The use of NIV in the treatment of patients with APE in PH compared to the exclusive application of standard medical treatment reduces the necessity for endotracheal intubation, and presents benefits in the mortality rate, results that claim to be the application of NIV an important therapeutic measure in terms of clinical intervention effectiveness. KEYWORDS: Noninvasive Ventilation, Prehospital, Acute Pulmonary Edema.
URI: http://hdl.handle.net/10400.19/2870
Designação: Mestrado em Enfermagem Médico-Cirúrgica
Aparece nas colecções:ESSV - UEMC - Dissertações de mestrado (após aprovadas pelo júri)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ALVES, MonicaIsabelLopes DM.pdfDocumento principal3,25 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.