Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.19/2979
Título: Literacia em saúde mental : conhecimentos, estigma e preconceito numa amostra de adolescentes da região centro de Portugalprojeto de investigação
Autor: Almeida, Tânia Patrícia Pereira de
Orientador: Amante, Maria João
Magalhães, Cátia
Palavras-chave: Saúde Mental
Literacia em Saúde Mental
Adolescentes
Preconceito
Estigma
Mental Health
Adolescents
Prejudice
Stigma
Mental Health Literacy
Data de Defesa: 2015
Resumo: Os problemas de saúde mental representam uma elevada prevalência na infância e na adolescência, podendo ser percursores de psicopatologia na vida adulta. O reduzido nível de literacia em saúde mental, associado ao estigma e preconceito contribuem para o agudizar das perturbações mentais, na medida em que impedem o reconhecimento precoce das mesmas e influenciam o comportamento de procura de ajuda. Esta é uma realidade deveras preocupante, tornado imperativo a promoção de estratégias de saúde mental e prevenção das doenças mentais. O presente projeto pretende analisar o nível de literacia em saúde mental de uma amostra de adolescentes (n=105), de ambos os sexos, da região centro do país. Será administrado o QuaLiSMental traduzido e aferido para a população portuguesa por Loureiro, Pedreiro e Correia (2012) para avaliar os conhecimentos e literacia em saúde mental. Espera-se que os resultados apontem para a prevalência de baixos níveis de literacia em saúde mental, associados ao estigma e preconceito que influenciam a preferência pela procura de ajudas informais. Salienta-se a importância da promoção de estratégias eficazes e apelativas, no âmbito da literacia, atendendo à faixa etária da adolescência.
ABSTRACT Mental health problems had a high prevalence in childhood and adolescence, and may be precursors of psychopathology in adulthood. The low level of mental health literacy associated to stigma and prejudice contribute to the worsening of mental disorders, to the extent of withholding the early recognition of mental disorders and influencing help-seeking behaviors. This is a very worrying reality therefore, the promotion of mental health strategies and the prevention of mental disorders are extremely important. The general objective of this research is to explore the levels of mental health literacy of a sample of adolescents (n=105), of both genders, from the central region of the country. Will apply QuaLiSMental, which was been translated and validated for portuguese population by Loureiro, Pedreira and Correia (2012), to evaluate the knowledge of mental health literacy. It is expected that the results point to the prevalence of low level of mental health literacy associated to stigma and prejudice that influence the preference for seeking informal support. In this sense, this project intends to analyze mental health literacy and the importance of adopting strategies to enable the promotion of mental health through various ways attractive to adolescents. It emphasizes the importance of promoting effective and appealing strategies in literacy, given the age range of adolescence.
URI: http://hdl.handle.net/10400.19/2979
Designação: Mestrado em Intervenção Psicossocial com Crianças e Jovens em Risco
Aparece nas colecções:ESEV - DPCE - Dissertações de mestrado (após aprovadas pelo júri)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Projeto de Investigação.pdf2,49 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.