Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.19/4572
Título: O uso dos pesticidas em Portugal. Que caminhos?
Autor: Godinho, Maria do Céu
Costa, Cristina Amaro
Palavras-chave: Pesticidas
Proteção integrada
Data: Jul-2016
Editora: Quercus
Citação: Godinho, M. C. & Costa, C. A. (2016). O uso dos pesticidas em Portugal. Que caminhos? Revista Quercus Ambiente, 77, 11-12.
Resumo: A agricultura está inevitavelmente associada a um conjunto de variáveis no ecossistema, onde estão incluídos as pragas e doenças nas culturas e presença de outras plantas que competem pelo alimento, água e luz. Estes agentes são responsáveis por perdas no rendimento que, normalmente, não são aceites pelo agricultor. E é, por isso, que se recorre aos pesticidas: é preciso proteger as culturas do ataque dos seus inimigos. Também é verdade que a agricultura é a atividade desenvolvida pelo Homem que mais se aproxima dos sistemas naturais e tem, assim, um papel central na produção de diversos serviços do ecossistema, como a biodiversidade agrícola, qualidade do solo e água, estabilidade climática e manutenção da paisagem. Ora, o uso dos pesticidas introduz efeitos negativos em todo este sistema: degradam o solo, reduzem a qualidade e disponibilidade de água, causam poluição e perda de habitats selvagens e de biodiversidade. Aqui reside a encruzilhada na proteção das culturas.
Peer review: no
URI: http://hdl.handle.net/10400.19/4572
Aparece nas colecções:ESAV - DEAS - Outros (que sejam considerados relevantes e após decisão unânime)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
artigo quercus.pdf1,74 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.