Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.19/4806
Título: Estudo científico base para a tipificação de galerias ripícolas no território da Comunidade Intermunicipal Viseu Dão Lafões (CIM VDL)
Autor: Rocha, Alexandra de Jesus Gomes Vieira
Orientador: Antunes, Pedro Baila
Palavras-chave: Conservação da natureza
CIM VDL
Flora autóctone
Galerias ripícolas
Índice QBR
Data de Defesa: 17-Jan-2018
Resumo: No território da Comunidade Intermunicipal Viseu Dão Lafões (CIM VDL) abundam as linhas de água pertencentes às bacias hidrográficas dos rios Douro, Vouga e Mondego. Estes meios hídricos encontram-se frequentemente envoltos por comunidades florísticas paralelas às linhas de água. Pelas condições hidrológicas e geomorfológicas do sistema ribeirinho a vegetação forma, em certas áreas, verdadeiros túneis sobre as linhas de água – as galerias ripícolas. Esta vegetação integra ecossistemas de elevada biodiversidade, que, pelas características particulares que apresentam, se constituem como prestadores de serviços fundamentais para o Homem e indispensáveis à manutenção do equilíbrio natural das regiões onde se inserem. Pretendeu-se com o presente trabalho de investigação inventariar, caracterizar e tipificar as galerias ripícolas da CIM VDL. A metodologia adotada implicou fases de trabalho distintas. Após a inventariação das linhas de água marginadas por vegetação, procedeu-se ao estabelecimento de critérios de seleção facilitadores da escolha dos troços que reúnem melhores condições para apresentarem maior qualidade ecológica. Numa fase seguinte, os troços das linhas de água selecionados foram objeto de trabalho de campo, sendo feita a caracterização da linha de água, o levantamento florístico da zona ripícola e a avaliação da qualidade da zona ripícola, pelo índice QBR. Constatou-se que as zonas ripícolas selecionadas e estudadas in loco formam maioritariamente galerias ripícolas, o que confirmou as previsões que emanaram do início do trabalho. Verificouse que nestas áreas a vegetação autóctone é dominante, apresentando, alguns troços, características do habitat natural prioritário 91E0 – Florestas aluviais de Alnus glutinosa e Fraxinus excelsior (Alno-Padion, Alnion incanae, Salicion albae), para além da presença de endemismos ibéricos e/ou de espécies com interesse conservacionista. Relativamente à avaliação da qualidade da zona ripícola verificou-se que três das dezasseis áreas estudadas obtiveram uma classificação de Bom com a aplicação do índice QBR, destacando-se a galeria ripícola do troço do rio Vidoeiro, quer pela qualidade da zona ripícola que apresenta, quer pela importância conservacionista da flora. Apesar de algum reconhecimento da importância dos ecossistemas ribeirinhos, estes não são ainda perspetivados como áreas naturais merecedoras de especial atenção, nem como património natural valorizável e impulsionador de desenvolvimento sustentável. Com uma proporção de superfície de áreas classificadas inferior à da região centro e muito inferior à de Portugal e a inexistência de áreas protegidas na área de estudo, as potencialidades apresentadas pelas galerias ripícolas podem assumir um papel destacado no domínio da conservação da natureza. A criação de uma área protegida de galeria ripícola, num território de baixa densidade, poderia garantir a conservação destes valores naturais, a médio e longo prazo, e ser um potenciador de desenvolvimento sustentável.
ABSTRACT In the territory of the Viseu Dão Lafões Intermunicipal Community (CIMVDL), the water lines belonging to the river basins of the Douro, Vouga and Mondego rivers abound. These water resources are often surrounded by floristic communities positioned parallel to the canal. Due to the hydrological and geomorphological conditions of the riverside system, the vegetation forms true tunnels over the water lines in certain areas - the riparian galleries. This vegetation includes ecosystems of high biodiversity, which, due to the particular characteristics they present, constitute themselves as essential services to mankind and to the maintenance of a natural balance in the regions they are inserted in. The objective of this research was to inventory, characterize and typify the riparian galleries of the CIM VDL. The adopted methodology had different phases. After the inventory of the water lines surrounded by vegetation, we defined the criteria that facilitated the selection of the sections with the best conditions of higher ecological quality. In a subsequent phase, the selected water lines sections were subject to field work, with the characterization of the water line, the floristic survey of the riparian zone and the evaluation of riparian zone quality based on the QBR index. We verified that the riparian zones selected and studied in loco were mostly surrounded by riparian galleries, confirming the predictions emanated at the beginning of the study. We verified that autochthonous vegetation was dominant in these areas, presenting, in some parts , similarities to the prioritarian natural habitat 91E0 - Alluvial forests of Alnus glutinosa and Fraxinus excelsior (Alno-Padion, Alnion incanae, Salicion albae), with the presence of iberian endemisms and / or species of conservation interest. Regarding the evaluation of riparian zone quality, we verified that three of the sixteen studied areas obtained a Good classification, standing out the riparian gallery of the section of the Vidoeiro river, both for the quality of the riparian zone that presents and for the conservationist importance of the flora. Despite some recognition of the importance of riparian ecosystems, they are still neither considered natural areas worthy of special attention, nor as valuable natural patrimony and as a booster of sustainable development. With a proportion of surface areas classified below the center region and much lower than that of Portugal and the lack of protected areas in the study area, the potential presented by riverine ecosystems with abundant riparian galleries can assume an important role in the field of nature conservation, in this region. The creation of a protected area of riparian gallery, in a low density territory, could guarantee the conservation of these natural values in the medium and long term and be a booster to a sustainable development.
URI: http://hdl.handle.net/10400.19/4806
Designação: Tecnologias Ambientais
Aparece nas colecções:ESTGV - DA - Dissertações de mestrado (após aprovadas pelo júri)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
dissertacao_alexandra_rocha.pdf15,52 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.