Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.19/4930
Registo completo
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.authorPinho, Lara Guedes de-
dc.contributor.authorPereira, Anabela-
dc.contributor.authorChaves, Cláudia-
dc.date.accessioned2018-05-15T15:40:14Z-
dc.date.available2018-05-15T15:40:14Z-
dc.date.issued2017-08-
dc.identifier.citationPinho, L. G., Pereira, A., & Chaves, C. (2017). Influência das características sociodemográficas e clínicas na qualidade de vida dos indivíduos com esquizofrenia. Revista da Escola de Enfermagem da Universidade da Universidade de São Paulo, 51. http://dx.doi.org/10.1590/S1980-220X2016031903244pt_PT
dc.identifier.issn0080-6234-
dc.identifier.issn1980-220x-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10400.19/4930-
dc.description.abstractRESUMO Objetivo: Avaliar a qualidade de vida dos indivíduos portugueses com esquizofrenia e relacioná-la com aspetos sociodemográficos e clínicos. Método: Estudo quantitativo de natureza transversal realizado com portadores de esquizofrenia, residentes em todo o território continental de Portugal, tendo sido aplicado um questionário sociodemográfico e clínico e a Quality of Life Scale versão reduzida (QLS7 PT). Foram realizados testes paramétricos e não paramétricos para avaliar a correlação entre as variáveis. Resultados: A amostra foi constituída por 282 participantes. Apontam para uma melhor qualidade de vida os indivíduos que vivem em residências autônomas ou com os pais, empregados/estudantes, com transtorno há menos tempo e menor idade, com o 12º ano de escolaridade e não medicados com neurolépticos de primeira geração. Conclusão: Os resultados indicam que algumas características sociodemográficas e clínicas influenciam a qualidade de vida dos indivíduos com esquizofrenia, pelo que devem ser consideradas na avaliação psiquiátrica e no planejamento das estratégias adaptadas e eficazes à sua reabilitação psicossocial.pt_PT
dc.language.isoporpt_PT
dc.publisherScielopt_PT
dc.rightsopenAccesspt_PT
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by/4.0/pt_PT
dc.subjectEsquizofreniapt_PT
dc.subjectQualidade de vidapt_PT
dc.subjectCaracterísticas da populaçãopt_PT
dc.subjectEnfermagem psiquiátricapt_PT
dc.titleInfluência das características sociodemográficas e clínicas na qualidade de vida dos indivíduos com esquizofreniapt_PT
dc.title.alternativeInfluencia de las características sociodemográficas y clínicas en la calidad de vida de los individuos con esquizofreniapt_PT
dc.title.alternativeInfluence of sociodemographic and clinical characteristics on the quality of life of patients with schizophreniapt_PT
dc.typearticlept_PT
dc.peerreviewedyespt_PT
dc.description.versioninfo:eu-repo/semantics/publishedVersionpt_PT
degois.publication.firstPage1pt_PT
degois.publication.lastPage7pt_PT
degois.publication.titleRevista da Escola de Enfermagem da Universidade de São Paulopt_PT
dc.identifier.doihttp://dx.doi.org/10.1590/S1980-220X2016031903244pt_PT
dc.relation.publisherversionhttp://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0080-62342017000100441&lng=en&tlng=enpt_PT
Aparece nas colecções:ESSV - UESPFC - Artigos publicados em revista científica (Indexados à ISI)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
pt_1980-220X-reeusp-51-e03244.pdf440,87 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.