Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.19/605
Título: Estilo de vida, percepção e estado de saúde em estudantes do instituto politécnico de Viseu: influência da área de formação
Autor: Albuquerque, Carlos Manuel Sousa
Matos, Ana Paula Soares
Palavras-chave: Saúde
Bem estar
Estilo de vida
Formação
Data: Out-2003
Editora: Instituto Politécnico de Viseu
Relatório da Série N.º: 28;
Resumo: Recentemente, as ciências sociais e humanas têm dado um contributo importante para o estudo da saúde e do bem estar das populações. Neste contexto pensa-se que uma das principais funções dos profissionais de saúde é ajudar a promover nas pessoas comportamentos saudáveis. Porém, muitos destes profissionais, quando sugerem que, por exemplo, não se beba em excesso, que se faça exercício físico ou que não se fume, etc., em pouco tempo se apercebem e interiorizam que os seus bem intencionados programas de intervenção não têm um resultado satisfatório, não se verificando, muitas vezes, mudanças significativas nos comportamentos dos indivíduos. Assim, para que seja viável promover a aprendizagem de estilos de vida saudáveis não basta a boa vontade e o bom senso. É preciso muito mais. Há que compreender a dinâmica da saúde-doença nas pessoas. Há que conhecer quais os factores – biológicos, sociais e psicológicos – que acentuam a vulnerabilidade e como agir para reforçar a resilience individual.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.19/605
ISSN: 1647-662X
Aparece nas colecções:RE - Número 28 - Outubro de 2003
ESSV - UER - Artigos publicados em revista científica

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Estilo de vida.pdf355,97 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.