Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.19/755
Título: O Ensino Agrícola em Viseu: do pioneirismo ao impasse.
Autor: Coutinho, Rui
Palavras-chave: Ensino
Agricultura
Ensino agrícola
Data: Out-1997
Editora: Instituto Politécnico de Viseu
Relatório da Série N.º: 8;
Resumo: Já nos finais do século passado e início deste, a cidade de Viseu era um dos maiores centros académicos do país, sendo apenas suplantada por Lisboa, Porto, Coimbra e Faro. De parceria com Lisboa, Coimbra e Évora, teve o privilégio de ser pioneira no Ensino Agrícola em Portugal. A Escola Prática de Agricultura de Viseu instalou-se na Casa do Arco, tendo sido até anfitriã da família real. Após longa espera, oposições acérrimas e muita coragem, em 1992, volta a ter o Ensino Agrícola mas, pasme-se, ainda não possui nem instalações próprias nem Terra para trabalhar. Parece-nos ser útil comparar, não só o protagonismo do passado com o impasse da actualidade, mas também reiterar as justificações da existência da Escola Superior Agrária de Viseu, num distrito dotado de potencialidades e diversidades agrícolas únicas no país. Estamos em 1852. O Ministério das Obras Públicas, Comércio e Indústria incluía, entre os mais diversos organismos, repartições consagradas a actividades agrícolas.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.19/755
ISSN: 1647-662X
Aparece nas colecções:RE - Número 08 - Outubro de 1997

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
O Ensino Agrícola em Viseu.pdf205,97 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.